br ar    v a l v

Arranca acção nacional do PCP «Emprego, Direitos, Produção, Soberania – Alternativa Patriótica e de Esquerda» no distrito de Aveiro PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Comissão Concelhia de Ovar do PCP   
Quinta, 29 Setembro 2016 00:00

A acção nacional de esclarecimento e mobilização do PCP, intitulada «Emprego, Direitos, Produção, Soberania – Alternativa Patriótica e de Esquerda», arrancou hoje em todo o País, e o distrito de Aveiro não foi excepção, com uma acção de contacto junto dos trabalhadores da Oliveira e Irmão.

No folheto que sustenta a acção recorda-se os direitos que foi possível «defender, repor e conquistar» com a luta dos trabalhadores e do povo e a iniciativa e contribuição do PCP. Entre eles, destaca-se as 35 horas na Administração Pública, a eliminação da sobretaxa de IRS e a reposição dos quatro feriados roubados pelo anterior governo PSD-CDS, a reversão das privatizações de empresas públicas de transporte terrestre de passageiros, o aumento – ainda que insuficiente – do salário mínimo nacional, do abono de família e do complemento solidário para idosos, a efectivação do apoio extraordinário a trabalhadores desempregados, a redução das taxas moderadoras e do IVA na restauração, o início da gratuitidade dos manuais escolares e o fim dos exames do 4.º e 6.º anos.

Destaca-se ainda que é necessário prosseguir a luta pela concretização de outras medidas, com vista a melhorar as condições de vida dos trabalhadores e do povo e resolver os graves problemas do País, reafirmando-se que no Orçamento do Estado e na intervenção dentro e fora da Assembleia da República o PCP se continuará a bater pelas propostas que considera fundamentais para ir mais longe.

Por fim, com este folheto realça-se uma vez mais os eixos centrais da política patriótica e de esquerda que o PCP propõe, e alerta-se para as duas mais graves ameaças à solução dos problemas nacionais: a acção revanchista do PSD e do CDS de desestabilização do País e a chantagem da União Europeia. Sublinha-se também que é perigosa a ilusão de que é possível avançar na solução dos mais graves problemas do País sem romper com a política que «conduziu Portugal ao declínio.

 Ao longo das próximas duas semanas multiplicar-se-ão as acções de esclarecimento e contacto em todos os concelhos do Distrito de Aveiro.

 

Aveiro, 29 de Setembro de 2016

O Gabinete de Imprensa da DORAV do PCP